Tempo de Leitura 2 min.

Como obter uma melhor nutrição ao combinar alimentos

Legumes coloridos com um pouco de gordura

Muitas frutas e legumes contêm compostos chamados carotenoides. São pigmentos naturais que dão aos alimentos, como os tomates, as cenouras e o espinafre as suas belas tonalidades, vindas dos pigmentos licopeno, betacaroteno e luteína, respetivamente. Estes importantes compostos são lipossolúveis, o que significa que quando come os seus legumes com um pouco de gordura, o corpo é capaz de absorver mais carotenoides. Assim, ao adicionar algumas gorduras saudáveis, como abacate ou azeite à sua salada, por exemplo, ajudará a absorver os carotenoides encontrados na alface, cenoura e tomate.

Vitamina C com legumes e leguminosas que contêm ferro

O ferro está presente nos alimentos de duas formas diferentes. Uma forma chamada “heme” pode ser encontrada no peixe, carne e aves, e é mais facilmente absorvida pelo corpo, do que o chamado ferro “não-heme” presente em certos legumes e cereais. Quando ingere vitamina C juntamente com uma fonte de ferro não-heme, o corpo absorverá melhor o ferro. Assim, se juntar tomate, por exemplo, ao chili, o corpo vai absorver melhor o ferro do feijão. Os morangos ajudam a absorver o ferro nos cereais. E o ferro presente em espinafres será melhor absorvido se juntar algumas fatias de laranja ou toranja à sua salada de espinafre.

Peixe e folhas verdes

Quando bebe leite com adição de vitamina D, contribui para a normal absorção de cálcio do leite. Mas há outra maneira de combinar estes dois nutrientes: peixes e legumes. Peixes com gordura, como salmão e cavala, fornecem vitamina D e, legumes como o nabo, a folha de mostarda e a couve fornecem cálcio. Combinar os dois ajudará o corpo a absorver o cálcio presente nos legumes.

Susan Bowerman é Diretora de Formação e Educação Nutricional na Herbalife Nutrition.

herbalife_logo

Artigo Escrito por Herbalife Nutrition®

Comentar